Início / News

Qual é a diferença entre motores de 2 tempos e 4 tempos?

Qual é a diferença entre motores de 2 tempos e 4 tempos?

Conteúdo

No século 19, o motor de combustão interna revolucionou nosso mundo de maneiras antes inimagináveis. Parte integrante de máquinas que vão desde veículos a máquinas portáteis, converte a energia química do combustível em energia mecânica – um processo que alimenta as nossas vidas, a indústria, as economias e o mundo próspero em que vivemos hoje.

Existem dois tipos principais de motores de combustão interna: motores a dois tempos e motores a quatro tempos. Ambos têm o mesmo objetivo geral de converter combustível em movimento, mas seus métodos de operação, eficiência e aplicação são muito diferentes. Compreender essas diferenças é fundamental quando você pretende entrar no negócio de motores pequenos.

Aqui está o artigo que irá informá-lo sobre cada detalhe e em análise profunda do motor de dois tempos e do motor de quatro tempos.

Vamos começar.

diferença entre motores de 2 tempos e 4 tempos

Como funcionam os motores de combustão e, afinal, o que é um “AVC”?

Para entender como esses dois motores diferem, primeiro você deve conhecer o básico.

Em essência, um “curso do motor” refere-se ao movimento do pistão dentro do cilindro de um motor desde a sua posição mais alta (Ponto Morto Superior ou TDC) até à sua posição mais baixa (Ponto Morto Inferior ou BDC), ou vice-versa. O número de vezes que o pistão sobe e desce durante um ciclo determina a rapidez com que esse processo de combustão ocorre em um motor de 2 tempos versus um motor de 4 tempos.

1. Curso de admissão:

Também conhecida como curso de indução ou sucção, esta fase começa quando o pistão está no topo do cilindro (TDC) e a válvula de admissão se abre. À medida que o pistão se move para baixo em direção ao BDC, ele cria um vácuo que aspira uma mistura fresca de ar e combustível para a câmara de combustão acima do pistão.

2. Curso de compressão:

Após o curso de admissão, as válvulas de admissão e de escape fecham. O pistão então se move para cima do BDC de volta ao TDC, comprimindo a mistura ar-combustível fresca no processo.

3. Combustão ou golpe de força:

Uma vez comprimida a mistura ar-combustível, a vela de ignição no PMS inflama a mistura, causando uma combustão rápida que expande os gases e força o pistão para baixo em direção ao BDC. Este rápido movimento descendente gira o virabrequim, convertendo o calor e a pressão da explosão em energia mecânica utilizável – isto é, a própria energia que move nossas máquinas.

4. Curso de exaustão:

A fase final do ciclo, o curso de escape, começa quando a válvula de escape se abre enquanto o pistão inicia outra jornada ascendente do PMI para o PMS. Este movimento ascendente expele os gases queimados (agora resíduos) da câmara de combustão através de uma saída de exaustão, limpando assim a câmara e preparando-a para o próximo ciclo de cursos.

Motor 2 tempos

Definindo um motor de dois tempos

Um motor de dois tempos (ou dois tempos) é um tipo de motor de combustão interna que completa um ciclo de potência com dois tempos (movimentos para cima e para baixo) do pistão durante apenas uma revolução do virabrequim. O processo operacional de um motor dois tempos é caracterizado por operações simultâneas ou sobrepostas, o que resulta na consolidação de ações e promete potência a cada revolução.

O processo de duas etapas envolve:

  • Curso ascendente (ignição/compressão): O pistão se move para cima e o ar e o combustível entram no cárter. Após ser comprimida, a mistura de combustível e ar é inflamada.
  • Curso descendente (potência/exaustão): O pistão é empurrado para baixo assim que o combustível é queimado e o escapamento é ejetado. E descobre a porta de admissão para a introdução da mistura ar-combustível fresco.

Vantagens dos motores 2 tempos

Existem muitas vantagens em usar um motor de dois tempos. Alguns dos benefícios incluem:

  • Um motor de dois tempos pesa menos que um motor de quatro tempos e requer menos espaço.
  • O movimento de rotação do motor leva até um golpe de potência para cada revolução do virabrequim.
  • O design deste motor é simples devido à falta de mecanismo de válvula.
  • Cria menos atrito nas peças do motor durante a operação e aumenta a eficiência mecânica.
  • Este motor desenvolve potência significativa com uma alta relação potência-peso.

Desvantagens do motor 2 tempos

Existem algumas desvantagens de usar um motor de curso, como:

  • Os motores de dois tempos consomem mais combustível e apenas uma pequena quantidade de carga nova se mistura com os gases de escape.
  • Você pode sentir vibração ou ruído excessivo durante a operação.
  • A vida útil deste motor é curta, pois sofre mais desgaste.
  • Um motor de dois tempos tem uma faixa de potência ou faixa de velocidade estreita onde o motor é mais eficiente.
  • Este tipo de motor pode ficar instável durante a marcha lenta.
  • Você pode ter problemas de limpeza com este mecanismo.
  • Um motor de dois tempos não queima de forma limpa, causando mais poluição do ar do que um motor de quatro tempos.

Aplicações de motores 2 tempos

Devido à sua resistência e simplicidade, os motores de dois tempos são comumente encontrados em máquinas menores e portáteis. Ferramentas elétricas externas, como motosserras, sopradores, aparadores, corta-sebes e inúmeras outras aplicações são típicas de motores de dois tempos. Motores de dois tempos também podem ser encontrados em veículos e acessórios como bicicletas sujas, motocicletas e motores de popa.

Motor 4 tempos

Os motores de quatro tempos são eficientes em termos de combustível e operam em quatro estágios. Este processo metódico permite uma separação distinta entre cada fase operacional, o que oferece maior equilíbrio do motor e eficiência geral.

Vantagens dos motores 4 tempos

Empregar um motor de quatro tempos traz vários benefícios. Alguns desses benefícios incluem:

  • Os motores de quatro tempos fornecem altos níveis de torque em baixas RPM durante a operação.
  • Um motor de quatro tempos é mais eficiente em termos de combustível porque só usa combustível uma vez a cada quatro tempos.
  • Os motores de quatro tempos emitem menos poluição porque não necessitam de óleo ou lubrificantes na potência.
  • Esses motores são duráveis ​​​​e podem suportar muito desgaste.
  • Você não precisará de óleo extra com um motor de quatro tempos.
  • O motor de quatro tempos produz menos ruído e vibração durante a operação.

Desvantagens do motor 4 tempos

Além disso, os motores de quatro tempos têm algumas desvantagens, como:

  • Esses motores são mais pesados ​​que os de dois tempos devido às peças adicionais no projeto de quatro tempos.
  • Um motor de quatro tempos tem mais recursos e válvulas, tornando os reparos e a manutenção mais caros.
  • Como só recebe potência uma vez a cada rotação de quatro pistões, este projeto é menos potente do que motores de dois tempos comparáveis.
  • Este projeto de motor inclui um mecanismo de engrenagem e corrente, o que pode causar complicações durante a manutenção.

Aplicações de motores 4 tempos

Os motores de quatro tempos são uma excelente escolha para diversas aplicações, como equipamentos elétricos e veículos externos. Além disso, eles são comumente usados ​​em ferramentas elétricas de jardim. O cortador de grama é uma das máquinas mais famosas com motor quatro tempos.

tipos de motor a gasolina 1
Motor diesel 4 tempos 1

Motores contrastantes de dois e quatro tempos

Aqui, a BISON destaca suas características distintivas em múltiplas dimensões para uma comparação robusta.

Maneira de trabalhar

A principal diferença é como funcionam ao comparar motores de dois e quatro tempos. Um motor de 4 tempos completa um curso de potência em quatro estágios ou duas revoluções completas, ao contrário do curso único de um motor de 2 tempos. Um curso de potência em um motor de 2 tempos é concluído em duas etapas ou em um processo completo.

Complexidade

Os motores de dois tempos são inerentemente mais simples que os motores de quatro tempos. O design do motor de dois tempos, com menos peças móveis e sem um sistema de válvula complexo, torna-o mais simples. Por outro lado, os motores de quatro tempos requerem um sistema de válvulas para admissão e escape, juntamente com mecanismos para sincronização da árvore de cames, necessitando de um design mais complicado, resultando em aumento de peso e complexidade.

Eficiência

Um motor com quatro tempos é mais eficiente do que um com dois tempos. Eles criam combustão completa em sua fase de combustão separada, traduzindo-se em melhor uso de combustível, e têm cursos de admissão e escape distintos, o que leva a emissões mais limpas.

No entanto, devido à natureza do motor de dois tempos, a porta de escape permanece aberta enquanto o combustível é injetado no motor. Parte do combustível vai diretamente para a porta de exaustão e não é queimado.

Potência de saída

O design de dois tempos atinge uma potência em cada ciclo devido aos cursos simultâneos de admissão/exaustão e compressão/potência, resultando em um intenso aumento de potência em contraste com o fornecimento de potência mais equilibrado dos quatro tempos.

No entanto, os motores de quatro tempos compensam isso oferecendo uma entrega de potência mais suave e controlada e uma vibração do motor reduzida.

Sistema de lubrificação

Nos motores de dois tempos, o combustível e o óleo lubrificante são normalmente misturados antes da admissão. O óleo lubrificante será queimado com o combustível. A proporção de gasolina para óleo varia de 10:1 a 50:1 em volume.

Por outro lado, os motores de 4 tempos são lubrificados com óleo armazenado em um cárter. Ao contrário de um motor de 2 tempos, o óleo de um motor de 4 tempos não queima com o combustível para lubrificar o motor. Em vez de ser queimado, é reciclado em torno do motor. À medida que o óleo do motor 4 tempos recircula ao redor do motor, ele lubrifica, dissipa o calor, limpa e mantém as impurezas em suspensão até que o óleo seja trocado.

Manutenção e Custo

Os motores de dois tempos, devido ao seu design menos complicado, são geralmente mais fáceis e baratos de manter e reparar. No entanto, a sua operação mais extenuante pode levar a um maior desgaste, encurtando a sua vida útil e possivelmente levando a reparações mais frequentes.

Os quatro tempos, embora sejam mais caros de manter e reparar devido aos seus sistemas complexos, tendem a ter intervalos de manutenção mais longos. Freqüentemente, eles duram mais que seus equivalentes de dois tempos devido à redução do estresse do motor, compensando seu maior custo de manutenção no longo prazo.

Conclusão

No final das contas, saber como os motores de dois e quatro tempos diferem e o que eles exigem o ajudará a escolher com sabedoria e manter seu motor de forma proativa durante toda a sua vida útil. Aqui está um scorecard comparativo para revisar rapidamente as principais diferenças:

Aspecto Motor de dois tempos Motor de quatro tempos
Complexidade Mais simples com menos peças móveis. Mais complexo devido aos mecanismos de válvula e temporização.
Eficiência Maior relação potência-peso. Menos economia de combustível. Menor relação potência/peso. Mais eficiente em termos de combustível.
Potência de saída Potência a cada dois golpes. Potência a cada quatro golpes.
Lubrificação Misturado com o combustível (pré-mistura). Sistema de lubrificação separado.
Manutenção e Custo Mais fácil e barato de manter, mas geralmente com vida útil mais curta. Maior custo de manutenção, mas com intervalos de manutenção mais longos.

A decisão entre um motor de dois tempos e um motor de quatro tempos depende exclusivamente das suas necessidades. Não há resposta certa ou errada. Como um estabelecido Fabricante chinês de motores, a BISON orgulhosamente fabrica motores de dois e quatro tempos, atendendo a uma variedade de aplicações em um mercado cada vez mais diversificado. Ao nos escolher como seu fornecedor confiável de motores, você está se alinhando com um parceiro que prioriza o crescimento mútuo e a satisfação do cliente.

motores bisões

Perguntas Frequentes:

Um motor de 2 tempos possui uma porta de abastecimento com uma tampa com uma bomba de combustível e um ícone de lata de óleo. A tampa geralmente especifica a proporção da mistura óleo/combustível. Um motor de 4 tempos possui duas portas de abastecimento, com cada tampa identificando separadamente o tanque de combustível do cárter de óleo.

Os motores de 1 tempo retos e rotativos podem ser modificados para incluir motores de cilindros opostos de pistão oposto (OPOC). A saída do pistão alternativo dos pistões de 1 curso pode ser convertida em uma saída de rotação contínua usando virabrequins com buchas divididas ou engrenagens de manivela recentemente desenvolvidas com rolamentos convencionais.

Posts mais populares

PERGUNTAS?
CONTACTE-NOS HOJE.

Comprar?

Artigos relacionados

como limpar um motor pequeno

Ao ler este artigo, você obterá uma compreensão completa dos meandros da limpeza de seu motor pequeno e como essa manutenção regular pode manter seu motor funcionando da melhor forma.

Saiba Mais>

Produtos relacionados

gerador de energia portátil 1
Gerador de gasolina

Gerador de energia portátil

Aproveite o poder da portabilidade com o mais novo gerador portátil da BISON, o BS6500U, o topo de gama

Não se cansa?

Inscreva-se para ofertas exclusivas e atualizações sobre novas chegadas